Blog

Você está seguro na internet? Saiba como se proteger!

Você está seguro na internet? Saiba como se proteger!

24 de maio de 2017

Na terça-feira, dia 12 de maio, um ciberataque atingiu mais de 300 mil computadores em 150 países. O ataque demonstrou a vulnerabilidade dos sistemas operacionais e computadores, não apenas dos usuários domésticos, mas também a fragilidade dos sistemas de grandes empresas e instituições.

O vírus ficou conhecido como WannaCry, e no início da semana (15) foi detectado outro ataque cibernético em massa, pelo vírus Adylkuzz. De acordo com especialistas, ambos os vírus se aproveitam das fraquezas operacionais do Windows XP e do Server 2003, que são sistemas comumente usados por instituições governamentais, hospitais e empresas.

O Adylkuzz criou uma moeda virtual chamada monero, que pode ser comparada ao bitcoin. O bitcoin é a moeda virtual mais conhecida, garante o anonimato dos seus usuários e suas ações podem ser rastreadas. Já o monero, proporciona aos usuários ter as transações completamente criptografadas, o que a torna uma ferramenta para os hackers.

O que acontece durante o ataque

O ciberataque do WannaCry, que é um ransomware, visa criptografar todos os arquivos do computador e os libera mediante pagamento. Quando o vírus entra no sistema, troca a tela de proteção e informa que os arquivos foram bloqueados. O valor do resgate é de 300 dólares tê-los de volta. Já o Adylkuzz faz a mineração das moedas eletrônicas, “A única coisa que ele faz é roubar tempo da CPU e deixar o computador mais lento”, explicou o doutor em informática e coordenador do grupo de pesquisa em segurança da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Raul Fernando Weber em entrevista ao Correio do Povo.

Até o momento, smatphones não foram alvo de ataques. Porém é preciso ter cuidado, “ O segundo grupo de cuidado é justamente o e-mail suspeito. Aquela coisa que recebemos de spam.  A mensagem que você foi premiado ou coisas do gênero. Então a gente tem que cuidar com os links que vamos clicar. ” Acentua Weber.   

 Confira as dicas dos especialistas nem como se proteger:

- Atualizar o Windows e evitar sistemas operacionais antigos;

- Não divulgar dados pessoais em sites ou pessoas não confiáveis;

- Usar antivírus e mantê-lo atualizado;

- Atualizar programas e aplicativos;

- Cuidar e-mails suspeitos;

- Não utilizar sistemas piratas;

- Atenção com os botões de download, alguns foram feitos para baixar arquivos maliciosos junto com o conteúdo desejado;

- Não ocultar as extensões dos arquivos é uma forma de evitar abrir os arquivos ‘.exe’, que tem grande possibilidade de ser vírus;

- Trocar com frequência as senhas com palavras extensas, com números e letras maiúsculas;

- Baixe aplicativos somente em lojas oficiais;

- Manter um backup de dados preferencialmente separado do computador;

Portanto, ter um serviço de backup é essencial para proteger seus arquivos de eventuais perdas, não só por vírus, mas também pela perecividade da tecnologia.  Seja precavido, a OWS oferece um serviço de cópias segurança do servidor, das estações e até mesmo de celulares, onde todos os conteúdos e dados como vídeos, áudios, textos, imagens, códigos de programação. Assim como banco de dados e e-mails da sua hospedagem ficarão em segurança e poderão ser restaurados caso sua empresa tenha algum problema de perda de dados. Entre em contato com a gente para saber mais! 

 

Por: Carolina Teixeira Schmidtke